Nem toda ouvidos

Concentrada em se desconcentrar
ia deitada a se embriagar
de sono.
Expira.
Inspira.
Aspira.
BEEEEEEEM!!!
Ah não.
De novo não.
BEEEEEEM!!!
Calma, tá tudo certo, alguém já vai resolve-
BEEEEEEM!!
Eu tenho prova amanhã, pelo amor de Deu-
BEEEEEM!!!
Preciso dormir!
Vamos lá, foco.
Ignora o barulho, já vai parar.
Ó, tá vendo? Paro-
BEEEEEEEM!!!
Que fiz pra merecer isso?! É sempre esse maldito alarme!
Carro do infer-
BEEEEEEM!!!
Vizinho idiota! Por que não desliga o alarme do carro?
Toda noite esse barulho logo que eu pego sono!
Será de propósito?!
BEEEEEEM!!!
Cara, que vontade de jogar uns ovos nessa lata velha.
Pior que deve ter alguns na geladeira….
Já pensou?
O som dos ovos quebrando, ai que alívio!
E o trabalho pra limpar? Hahah
Mas a melhor parte seria a cara do vizinho!
Hahahah, imagina a cara dele!
Aposto que daria um grito,
Que música seria para meus ouvidos!
Espera…

O alarme parou.
Vai dormir criatura.

Verônica Dufrayer, 3H1