Eu amei uma garota

Eu?

Aquariano do coração ressecado

Da mente venenosa

Das palavras radioativas

Bicho cínico

Cuspia com escárnio

No próprio conceito abstrato

Do sentimento primitivo

 

Amor

 

Eu amei uma garota

Doida, talvez

Marcada nos pulsos

Pelo amargor insípido

De sua existência juvenil

Exausta da vida

Antes mesmo de começar a viver

 

Ela era como eu

E também era tudo o que eu não era

 

Uma Vênus

Que nunca segurou um espelho

Uma obra-prima

Inconsciente da magnitude de seu valor

 

Nunca teria me notado

Mas notou

Nunca teria me amado

 

Nunca teria me amado

 

Com um sorriso,

Ela me desarma

Com um olhar,

Ela me subjuga

 

Sinto medo

Resisto da maneira que posso

Uma besta incapaz de compreender

A sensação que domina seu espírito

 

Um monstro,

Arisco demais para amar

 

Áspero

Idiota

 

Eu amei uma garota

Só agora percebo isso

 

Ninguém, 3H1