Jornada

Mais um capítulo de sua jornada se encerrava.
O viajante, em eterna busca pelo conhecimento,
sabia que já era hora de seguir um novo rumo.

Lembrou-se de seus sábios e bondosos mestres,
que outrora lhe impunham obstáculos
e, no final, seguravam-lhe a mão e diziam,
“tu já és um vencedor”.

Lembrou-se de seus brilhantes colegas,
que outrora lutaram ao seu lado contra os desafios,
e, no final, abraçavam-no e diziam,
“nós ver-nos-emos novamente”.

E agora estava vencida a derradeira batalha.
O viajante despediu-se dos companheiros,
aqueles que o ajudaram a chegar até ali
e que doravante trilhariam seus próprios caminhos.

Respirou fundo, fez uma prece a Minerva.

Preparado para seguir seu novo rumo,
o viajante, em eterna busca pelo conhecimento,
iniciava mais um capítulo de sua jornada.

Marilia El Kadre, ex-aluna 2015